Minha lista de blogs

sexta-feira, 15 de março de 2013

Gerânios nas unhas





Outro dia entrei em uma loja de cosméticos e fiquei olhando a paleta de cores de esmaltes existente. São dezenas, a vendedora me informou que já passam de centenas.
Isso me fez lembrar os tempos de criança. Morávamos no sítio, e quando mudamos para  a cidade este contato com a natureza sempre foi muito presente.
Naquela época não existia paisagista como profissão, geralmente eram as donas de casa que faziam seus jardins trocando mudas de flores entre elas. Cada visita na casa da amiga lá vinha minha mãe ou minha avó com uma mudinha de flor.
Gerânios então?! No jardim da nossa casa existia gerânios de todas as cores que a natureza nos ofertava: Branco, laranja, rosa, salmão, vermelho, pink, tinha algumas cores que eram mescladas o que os tornavam mais lindos.
Eu viajava naquele jardim. Esmalte nas unhas era permitido apenas para moças adultas, criança só admirava. Eu sempre fui criativa e lembro que pegava aquela florzinha de gerânio despetalava e cortava a base da pétala e transformava em uma unha postiça e cobria as minhas unhas.
Ah! Realizava-me! Que unhas lindas!
Cores que nem imaginava que um dia estaria dentro de um vidro de esmalte.
As mãos branquinhas realçavam ainda mais com os gerânios pink, laranja e vermelhos.
A simplicidade é uma virtude que irradia a felicidade,  e naquele momento da minha vida a natureza era o palco para minha alegria.
A sensação de liberdade que fluía de dentro, aquela vontade  de sair voando como um anjo que brinca num jardim encantado , as brincadeiras de esconde-esconde entre os pés de dália, rosas, capitães, margaridas e é claro os gerânios.
Maravilhosa a infância e aqueles que podem recorda-la!
Viva os esmaltes coloridos! Viva os gerânios!






Um comentário:

  1. Que história linda!!! Adorei... como disse minha mãe até hj adora trocar mudas com as irmãs e vizinhas tb, quando eu era criança sempre pintava uma unha de cada cor e nem era moda na época, rsrsrsrsrs beijos

    ResponderExcluir